3DSMobilePCPS3PS4VitaWii UXbox 360Xbox OneNINTENDOXBOXBATTLEFIELDMARIOWIIUPRIMEIRA PESSOASMASH BROSYOUTUBEFLIPERAMATORNEIOONLINEHISTóRIASPUCONMIIPOP CULTUREMATTELHOT WHEELSCHILEKING OF FIGHTER 97PC GAMER

Análise



Análise Destiny 2

Dessa vez com o jogo completo ou quase isso

Eduardo Andrade
20/09/2018 15h00

O Destiny 2 é um game de tiro em primeira

Multiplayer online desenvolvido pela Bungie e publicado pela Activision.  É a continuação do 2014 Destiny e suas expansões subseqüentes . Situado em um mundo "ficção científica mítica", o jogo apresenta um ambiente multiplayer "mundo compartilhado" com elementos de RPG, como eventos ao vivo. 

Os jogadores assumem o papel de um Guardião, protetores da última cidade segura da Terra, enquanto exercem um poder chamado Luz para proteger a Última Cidade de diferentes raças alienígenas. 

Uma dessas raças, a Cabala, liderada pelo senhor da guerra Dominus Ghaul, se infiltra na Última Cidade e retira todos os Guardiões da Luz. O jogador parte em uma jornada para recuperar sua Luz e encontrar uma maneira de derrotar Ghaul e seu exército da Legião Vermelha e recuperar a última cidade.

História

Com uma boa história que empolga bastante o jogador, mas com um desgraçado que logo no início do game te deixa cheio de motivos para querer acabar com a raça dele.   

Dominus Ghaul super poderoso destrói tudo que você tem, a última cidade da terra é dizimada logo no início da jogatina e é só isso. Durante a campanha você tentará encontrar uma forma de se tornar mais forte e confrontar ele, e você só vai encontrar com ele novamente no final da campanha. 

O modo história tem de 8 a 10 horas dependendo de cada jogado. As histórias de Destiny 2 não são só na campanha, as jornadas dão mais horas pro game e histórias interessantes além de recompensas exclusivas ao completá-las. 

Mas não se engane, no final da campanha o jogo realmente começa com os assaltos da vanguarda que são as dungeons. 

Anoitecer que são as mesmas dungeons com uma dificuldade elevada e alguns modificadores e o leviatã que são as raids e o crisol que é a modalidade pvp do game, na busca de subir seu nível de poder para maiores desafios em Destiny 2.

A Maldição de Osíris essa foi a 1 DLC de Destiny 2 que trouxe 10 missões novas para a campanha e que conta a história do do guardião exilado Osíris tentando prevenir uma ameaça futura Vex.

A campanha dessa DLC é curta com cerca de 2 a 3 horas, porém conta com um enredo muito bom, que deixa você ligado querendo saber o que vai acontecer.

A campanha em si empolga devido aos personagens carismáticos e tem a temática egípcia que é bem maneiro, entretanto, a pouca duração acaba resumindo de mais a história. 

Com a chegada da DLC, A Maldição de Osíris foram adicionados novos Assaltos uma nova raid e a modalidade de Assaltos heróicos que aumenta a dificuldade, dando assim, um desafio a mais para os jogadores.

A Mente Bélica a 2 DLC de Destiny 2 possui a campanha ainda mais curta que a anterior, com dificuldade baixa e não é tão empolgante quanto Osíris, mas também diverte. 

A história se passa em torno de Ana Bray, uma cientista da era dourada e heroína da fenda do crepúsculo, que esta investigando as calotas polares de marte, em busca de respostas sobre o seu passado.

  

Dessa vez, os inimigos são a colméia enterrados sob o gelo, então para ajudar na nossa jornada temos o Rasputin A Mente bélica e a historia é resumida a isso.

A última missão é a melhor coisa dessa campanha. Uma batalha épica contra um deus verme gigante. O único problema: é muito curta, porém a DLC trouxe um evento  diferentes o protocolo de agravamento que pra aumentar a dificuldade trouxe um evento impossível de ser feito sozinho. A DLC também trouxe novos assaltos e uma nova raid.

Gameplay


Os Assaltos da vanguarda as dungeons do jogo é um modo para 3 jogadores. Uma boa maneira de se divertir e evoluir em Destiny 2. 

Com boas variedades graças as DLCs, com recompensas e dificuldade razoável é o modo fácil de Destiny 2.

Assaltos Heróicos com uma dificuldade mais elevada e recompensas semanais e eles contam com um machmaking que ajuda bastante quando você esta jogando sozinho, nesses modos o único objetivo é terminar o Assalto e pegar a recompensa no final. Eles são o início do end game junto com o Anoitecer que é uma modalidade de assalto bem mais difícil te seus modificadores com buffs e debuffs que ajudam e atrapalham sua vida diferente das outras modalidades.

Esse tipo de assalto só muda o mapa a cada semana e não conta com matchmaking já que ele tem tempo para terminar. É empolgante mas não tão recompensador. Chame seus amigos (não me chame, eu sou horrível) e tentem fazer em um bom tempo.

A Incursão Leviatã as raids, sem matchmaking o ideal é ter um clã para poder realizar essa modalidade com mais facilidade. O maior desafio de Destiny 2 são os 3 mapas diferentes com rotação semanal. A dificuldade é bem maior que a de assaltos heróicos e anoitecer, além do mais, arrumar uma equipe pra fazer demora por não ter matchmaking, assim como, o modo Anoitecer é um modo mais sério e também demorado.

No Crisol vamos largar o PVE e ir para o PVP. É um modo de combate de Destiny 2 com as modalidades capture a bandeira e team deathmach com uma boa variação de mapas. 

Crisol não agrada todo mundo, pois existem várias armas desbalanceadas que são uma vantagem pra quem usa. Eu sou um fã e fico triste em ver muitos utilizarem a mesma coisa pra jogar, ou seja, pouca variedade. Ou você usa ou fica em desvantagem, tirando isso é bem divertido.

Nesse modo, teremos recompensas e armaduras exclusivas.

 

Visual e Áudio


Com gráficos de cair o queixo, trilha sonora que emociona e empolga na hora certa, o jogo não tem falhas aparentes. A sonorização também são bem feitos, dando pra diferenciar os sons das principais armas.

Veredito

Destiny 2 é um ótimo jogo de fps, com elementos de rpg. Temos uma boa campanha num mundo vasto, cheio de coisas pra fazer. Com boa exploração e variedades de muitos equipamentos e armas, porém a maioria dos itens são genéricos, onde você só usa conforme a necessidade. 

No começo Os Assaltos são bem divertidos, mas chega uma hora que fica repetitivo parece que a rotação não funciona direito e o jogador chega a fazer o mesmo assalto 2 ou 3 vezes seguidas. Fato que deixa qualquer jogador frustrado. 

Já o Anoitecer só é frustrante por não ter uma recompensa melhor. 

Leviatã sim é o melhor modo, com uma dificuldade muito boa. Jogar entre amigos e clã fica ainda mais divertido.

Notei que o crisol é desbalanceado, se você é um jogador novato poderá sofrer pra pegar o jeito. Sempre tem as armas que estão fortes, caso não tenha terá que compensar bastante com habilidade pra poder se dar bem.

 

Prós

  • Alta variedade de itens;
  • Vários modos de jogo;
  • Dificuldade boa nas missões de nível alto.


Contras

  • Crisol Desbalanceado;
  • Assaltos repetitivos;
  • Baixa dificuldade na campanha.


 

Destny 2, activision, ps4,xbox one, pc


AvaliaçãoNota
História 8
Jogabilidade 10
Visual 9
Áudio 8
Replay 8

NOTA FINAL

8.60

Veja também

Parceiros

Monster Hunter World BrasilArena GamerFacebookYouTube